close
abr 28, 2020
abr 28, 2020

CS:GO: call-outs explicados

Por que existem call-outs no CS:GO?

De onde surgiram os call-outs?

O que são os call-outs do CS:GO?

CS:GO: call-outs explicados

Embora você provavelmente saiba a diferença entre os mapas Inferno e Dust2 no map pool do CS:GO, saber os nomes de cada parte do mapa (call-outs) pode não estar entre as suas melhores habilidades. Continue lendo para entender melhor onde exatamente ficam esses lugares que os jogadores e os narradores tanto falam.

Por que existem os call-outs

No CS:GO, a comunicação eficaz deve ser rápida e concisa. Você quer que seus colegas de equipe possam reagir aos acontecimentos do jogo imediatamente, então quaisquer atrasos causados por nomes podem prejudicar suas chances de ganhar. Alguns nomes de call-outs podem ser os mesmos em diferentes mapas, enquanto outros são usados apenas para se referir a um local específico.

Assim, foram desenvolvidos call-outs como referência a locais em cada mapa, com a intenção de facilitar a comunicação. Muitos desses nomes podem mudar de acordo com diferentes países, regiões ou idiomas, uma vez que costumam ser criados pelas várias comunidades existentes no CounterStrike. Portanto, se você for um jogador veterano do CS:GO e não reconhecer os nomes a seguir, talvez seja por causa do seu país.

Vários call-outs nos mapas são nomeados em homenagem a jogadores profissionais. Às vezes, pode ser que esses lugares sejam conhecidos pelo seu local "mais famoso". O exemplo mais conhecido está no Cache, um mapa que atualmente não faz parte do map pool. No mapa, a esquina próxima à porta azul que range é conhecida como Byali, por causa de Paweł "byali" Bieliński, da Virtus.pro. Também há jogadores que a conheçam por NBK, uma homenagem ao jogador Nathan "NBK-" Schmitt, da Team OG. Isso se deve ao fato de que esses jogadores ficaram famosos por fazer uso da posição para, frequentemente, acumular um grande número de mortes por rodada.

Call-outs do CS:GO: Nuke

Esports-CS-GO-Callouts-Nuke-Article-4.jpg

Nuke é um dos poucos mapas do CS:GO que existem em vários níveis. Enquanto em muitos mapas você pode confiar na sua audição e ter uma boa ideia sobre onde outros jogadores farão uso da audição para obter vantagem, no Nuke as coisas ficam mais difíceis. Isso porque os passos de jogadores caminhando nos andares inferiores ou superiores podem ocasionalmente confundir sua posição. Dessa forma, receber call-outs de colegas de equipe sobre áreas relevantes é especialmente importante.

Call-outs do CS:GO: Dust2

Esports-CS-GO-Callouts-Dust-Article-1.jpg

Dust2 é o mapa clássico do CounterStrike, sendo usado em ambiente competitivo desde a edição 1.6 da série de jogos. É o mapa mais equilibrado do map pool, com uma taxa de vitórias de aproximadamente 50% para os lados T e CT. O layout é simples, com duas rotas principais para cada bombsite, ladeando uma área intermediária, conhecida simplesmente como "Meio".

Call-outs do CS:GO: Overpass

Esports-CS-GO-Callouts-Overpass-Article-7.jpg

O Overpass se une ao Nuke e ao Vertigo com sua verticalidade. O mapa tem um design único, pois a desova da equipe CT fica diretamente no bombsite-A, contando com rotas incrivelmente rápidas para o local da bombsite-B. Embora não possua um "Meio" ou "Miolo" como é tradicional em outros mapas, o Overpass apresenta dois métodos diferentes de alcançar os locais de bombas, assim como acontece em mapas tradicionais, com uma área de conexão que permite o acesso entre os dois locais antes do próprio site.

Call-outs do CS:GO: Train

Esports-CS-GO-Callouts-Train-Article-5.jpg

Train é outro mapa clássico, com uma história quase tão importante na franquia de jogos quanto o Dust2. O mapa é consideravelmente diferente de sua forma original, nada mais simples do que um dos trens conhecido como "bomb antigo". Devido à sua localização em um pátio de trens, a quantidade de trens no mapa significa que a das referências ocorre por cor ou finalidade.

No mapa, a posição conhecida como "escanteio" é também chamada de "Olof", por causa de Olof "olofmeister" Kajbjer. Isso se deve, principalmente, ao fato de o jogador sueco ter usado regularmente essa posição com grande efeito, com um ângulo claro em relação à posição conhecida no Brasil como "boltz", nomeada em homenagem ao jogador Ricardo "boltz" Prass, da INTZ. A "Olof" tende a ser uma posição difícil de limpar, principalmente por estar localizada em um canto, aninhada atrás do trem azul.

Call-outs do CS:GO: Mirage

Esports-CS-GO-Callouts-Mirage-Article-3.jpg

Mirage é o único mapa que está constantemente ativo no map pool desde o início do CS:GO. Como tal, não sofreu grandes alterações e parece quase idêntico à versão original, lançada em 2012. O layout é estruturado de maneira semelhante ao Dust2, com acesso aos bombsites pelo lado T definidos por duas rotas principais. Muitas vezes, o mapa é determinado pelo controle da área central, o "Meio".

No meio, há uma posição na metade do lado esquerdo, conhecida nos EUA como "Delpan", de onde você pode atingir a passagem e o janelão com uma cobertura substancial. No Brasil, essa área é chamada de "Cadeira". Nomeada por causa de Marcus "Delpan" Larsson, a posição recebeu esse apelido porque o jogador sueco costumava se posicionar ali logo que o mapa foi lançado, ainda na v1.6. No Brasil, outras áreas no Mirage com call-outs inspirados em jogadores são: "coldzera", "boltz", "Forest", "Snax" e "Edward".

Call-outs do CS:GO: Vertigo

Esports-CS-GO-Callouts-Vertigo-Article-6.jpg

Vertigo é o mapa mais novo do map pool e o mais diferente devido à sua verticalidade. Embora possa ser comparado ao Nuke por ter dois níveis, ele não possui as partes tradicionais que compõe a maioria dos outros mapas do CS:GO. Grande parte da ação no mapa acontece no subsolo, e os bombsites contam com apenas uma via principal de acesso cada.

No exterior, a área no lado superior direito do bombsite-B (Bomb-B) também é chamada "cold", por causa de Marcelo "coldzera" David. Ao contrário de outras áreas, ela não foi nomeada graças ao bom desempenho do jogador na posição. A partir desse ponto, existe um salto que pode ser feito para acessar a área conhecida no Brasil como "3D" e, em um jogo de exibição, "coldzera" falhou ao fazer esse salto. Foi a primeira vez que um jogador caiu nessa posição em qualquer evento de prestígio em LAN.

Call-outs do CS:GO: Inferno

Esports-CS-GO-Callouts-Inferno-Article-2.jpg

O Inferno é outro mapa clássico no map pool de CS:GO, conhecido por sempre produzir combates acirrados e emocionantes em torneios nos últimos anos. O mapa apresenta duas áreas intermediárias (o "Meio" e o "Meio falso"), em que cada uma oferece diferentes vias de acesso ao bombsite-A (Bomb-A). O mapa é provavelmente mais conhecido por sua rota para o Bomb-B, com a icônica "Banana" sendo conhecida por uma série de confrontos próximos e exibições táticas novas e inovadoras.

Página inicial de eSports
Leia mais artigos sobre CS:GO aqui
  • Tags

Sobre o autor

Michael Moriarty

Michael has previously worked as an award winning freelance writer in the world of Esports for over 5 years, specialising in CS:GO and Rocket League. Outside of Esports and gaming, Michael is a supporter of AFC Wimbledon in football and occasionally watches a bit of snooker.

Mostrar mais Mostrar menos