close
mai 7, 2019
mai 7, 2019

Por que motivo é que a Pinnacle é a favor da arbitragem?

O que é a arbitragem?

A arbitragem na perspetiva da casa de apostas

A Pinnacle está a explorar a arbitragem?

Mais provas da sabedoria da Pinnacle?

Por que motivo é que a Pinnacle é a favor da arbitragem?

A Pinnacle é bem conhecida no setor das apostas por ser extraordinariamente tolerante com os apostadores de arbitragem, oferecendo-lhes os mesmos limites que a qualquer outro apostador e não restringindo nem fechando contas como fazem as outras casas de apostas. Por que motivo é que a Pinnacle é a favor da arbitragem? Continue a ler para saber a resposta.

A Pinnacle defende que pode aceitar apostadores de arbitragem, porque a sua “gestão de riscos é considerada entre as melhores online”. Em termos práticos, está de forma consistente no lado certo da arbitragem. Neste artigo, analisarei alguns dados para explorar com precisão o que isto significa e por que motivo a Pinnacle pode continuar a oferecer de forma consistente oportunidades de arbitragem, enquanto as outras casas de apostas fogem a sete pés.

O que é a arbitragem?

Em termos simples, as apostas de arbitragem envolvem apoiar todas as equipas participantes numa determinada competição com paradas de dimensão apropriada para garantir que, independentemente do resultado, o apostador tenha lucro.

Como um pequeno exemplo, suponhamos que a Equipa A está avaliada em 2,10 e a Equipa B em 1,95. Desde que eu aposte as paradas apropriadas (mais facilmente calculadas como o inverso das probabilidades decimais), terei obtido um retorno de 101,11% independentemente de ganhar a Equipa A ou a Equipa B. De forma mais geral, pode calcular o seu retorno esperado da arbitragem como o inverso da soma das paradas de arbitragem.

Para que existam oportunidades de arbitragem, tem de haver opiniões suficientemente divergentes entre as casas de apostas para que disponibilizem preços, cuja soma das possibilidades implícitas de vitória (com as margens incluídas) seja inferior a 100%. Claramente, ajuda quando as margens das casas de apostas são pequenas, significando que será necessária uma menor diferença de opinião para criar uma oportunidade de arbitragem.

Uma vez que a Pinnacle tem margens tão pequenas quando comparadas com muitas outras casas de apostas, oferece alguns dos melhores preços disponíveis num mercado de apostas e, por isso, surge habitualmente nas oportunidades de arbitragem.

A arbitragem na perspetiva da casa de apostas

Na perspetiva do apostador, não importa muito qual das probabilidades é mais exata, uma vez que irá obter um lucro garantido de qualquer forma. No entanto, na perspetiva da casa de apostas, pelo menos um preço tem de estar errado e tal constitui uma responsabilidade.

A Pinnacle faz questão de oferecer preços exatos ou, pelo menos, preços que não se afastam muito dos valores “verdadeiros” por mais do que a sua margem. Ao que parece, para a Pinnacle, é o melhor modelo de preços com que consegue ter lucro.

No exemplo acima, vamos supor que os preços “verdadeiros” para a Equipa A e para a Equipa B são de 2,00, sugerindo uma possibilidade de 50% de cada uma ganhar. Normalmente, as casas de apostas com uma margem de 2,5% publicariam probabilidades de 1,95 para as duas equipas, garantindo que têm uma expetativa positiva em ambas.

Mas suponhamos, pelo contrário, que uma casa de apostas assume uma posição diferente, avaliando justamente a Equipa A em 2,15 e a Equipa B em 1,87. Depois de adicionar a sua margem, os seus preços publicados serão de cerca de 2,10 e de 1,82.

Agora, a Equipa A apresenta uma expetativa negativa, na perspetiva da casa de apostas. Assim, para conseguir oferecer preços que aparecem de forma rotineira nas oportunidades de arbitragem, será do interesse da casa de apostas avaliar com exatidão as “verdadeiras” possibilidades de resultado. Podemos utilizar os dados para descobrir se a Pinnacle é boa nisso. 

Oportunidades de arbitragem nas probabilidades de apostas nos jogos de futebol

Desde 2001, tenho vindo a recolher probabilidades de apostas para ajudar os apostadores a desenvolverem e a testarem sistemas de apostas no futebol. Estas probabilidades incluíram as probabilidades de apostas nos jogos da Pinnacle, assim como as melhores probabilidades no mercado disponíveis ao mesmo tempo. 

A partir de uma amostra de 50 210 jogos de futebol da liga europeia jogados entre 27 de julho de 2012 e 5 de março de 2019, encontrei 16 861 oportunidades antes do fecho do mercado, nas quais a soma das possibilidades implícitas de vitória em casa, empate e vitória fora eram inferiores a 100%, oferecendo - teoricamente - uma oportunidade de arbitragem. Com um retorno de arbitragem médio de 100,81% (ou um lucro de 0,81%), os seus fundos teóricos teriam 13 670 €, se tivesse apostado 100 € por cada arbitragem.

Analise o gráfico abaixo que compara a forma como os lucros se teriam acumulado. Há séries de quatro vezes: o crescimento global dos fundos, os retornos de apostar com as probabilidades da Pinnacle e os retornos de apostar nas outras duas melhores opções do mercado com uma aposta trilateral num jogo de futebol.

in-article-pinnacle-arbitrage-friendly-date-perspective.jpg

É perfeitamente óbvio que as outras casas de apostas estão a contribuir para os retornos globais da arbitragem, enquanto a Pinnacle oferece de forma consistente um preço de expetativa negativa, a partir da perspetiva do apostador. Os retornos reais das receitas apenas da Pinnacle foram de 95,5%, ou uma perda de 4,5%, comparativamente a 102,7% para as outras casas de apostas que compõem a arbitragem.

Tal gráfico deverá fornecer mais evidências, se forem necessárias, de que a Pinnacle é habitualmente mais exata a avaliar os mercados de apostas nos jogos de futebol do que as outras casas de apostas.

Tal não quer dizer que as outras casas de apostas não são tão boas a avaliar os “verdadeiros” preços; existem de facto outras explicações pelas quais podem escolher disponibilizar probabilidades que são, na verdade, grandes perdas. Uma, por exemplo, seria atrair novos clientes para um melhor valor aparente. Não se esqueça, é claro, que tais casas de apostas irão quase de certeza impedi-lo de explorar tais oportunidades de forma repetida.

A Pinnacle está a explorar a arbitragem?

O retorno da Pinnacle de 95,5% é consideravelmente inferior ao que poderia ser previsto pela margem média da Pinnacle para estes 16 861 jogos, os quais sugeririam um retorno de 97,6% ou uma perda de 2,4%.

A vantagem das suas probabilidades exatas é que a Pinnacle irá sempre permitir-lhe praticar a arbitragem, sabendo que são as outras casas de apostas, e não ela própria, a suportar o golpe.

Poderá a Pinnacle estar intencionalmente a aumentar a sua margem nestas probabilidades de arbitragem, sabendo que os “caçadores” de arbitragem não se importam, desde que os preços nas outras casas de apostas sejam suficientemente generosos para disponibilizar as oportunidades? Além disso, será que isso quer dizer que as outras probabilidades da Pinnacle, que não fazem parte da arbitragem, oferecem algum valor? 

Os retornos das outras duas probabilidades da Pinnacle nas apostas nos jogos de futebol eram de 98,3%, melhores do que as probabilidades da Pinnacle que apareciam nas oportunidades de arbitragem, mas não suficientes para oferecer um valor consistente. A diferença é significativa? Não, um teste t unicaudal das duas amostras originou um valor p de 8%; ou seja, essa diferença poderá ocorrer aleatoriamente em 8% das vezes. Precisamos de um valor p de 5% ou inferior antes de tentarmos argumentar em favor de algo mais intencional.

Além disso, quando consideramos que o preço médio da Pinnacle que aparece na arbitragem, 4,74, é muito mais longo do que o preço médio das duas outras opções, 3,61, muita desta diferença poderá provavelmente ser explicada pelo viés do “favourite–longshot”. Por virtude deste viés, os preços mais longos atrairão margens proporcionalmente maiores. 

Uma vez que 79% dos preços da Pinnacle que apareceram nas oportunidades de arbitragem foram relativos a empates ou vitórias fora, compreende-se portanto por que motivo o preço médio é mais longo do que os outros dois. Finalmente, o motivo pelo qual os preços desproporcionalmente longos da Pinnacle estão a aparecer nas oportunidades de arbitragem desde logo é pelo facto de o seu viés do “favourite–longshot” ser mais fraco do que os das outras casas de apostas com margens maiores. 

Talvez a significância estatística surja a partir de uma amostra maior de jogos, mas para já, não podemos dizer que a Pinnacle está deliberadamente a explorar a disponibilidade das oportunidades de arbitragem criadas pela generosidade das outras casas de apostas que criam perdas. Parece sim que a Pinnacle simplesmente sabe qual deverá ser o preço e, normalmente, mantém-se fiel a esse preço. 

O que acontece no fecho do mercado?

Seria de esperar que, se os apostadores estão a utilizar as probabilidades da Pinnacle para explorar as oportunidades de arbitragem, aplicando dessa forma um peso desproporcionalmente maior de dinheiro nessa equipa do seu mercado, a Pinnacle teria de reduzir essas probabilidades para proteger as respetivas responsabilidades.

As probabilidades da Pinnacle diminuem de facto para esta amostra até ao fecho do mercado, mas mal dá para notar essa descida, com um preço médio de 4,73 e sem diferenças estatisticamente significativas entre as duas (valor p = 74% de teste de t bicaudal), enquanto o retorno destes preços de fecho, caso alguém se desse ao trabalho de apostar neles, teria sido de 95,0%. Os retornos dos dois outros preços não oferecem mesmo assim ao apostador qualquer valor em média, sendo de 98,7%.

Mais provas da sabedoria da Pinnacle?

Ao longo dos últimos anos, escrevi inúmeros artigos que exploram a sabedoria, a eficiência ou a exatidão do mercado de apostas da Pinnacle nos jogos de futebol. Sem dúvida, sou certamente contestado em relação às conclusões que tiro, mais especificamente pelo facto de que uma eficiência em média não sugere necessariamente a eficiência num jogo específico.

O motivo pelo qual os preços desproporcionalmente longos da Pinnacle estão a aparecer nas oportunidades de arbitragem desde logo é pelo facto de o seu viés do “favourite–longshot” ser mais fraco do que os das outras casas de apostas com margens maiores.

No entanto, vou continuar a insistir que, em média, o mercado de apostas nos jogos de futebol da Pinnacle é uma representação muito boa das verdadeiras possibilidades dos resultados, assim que levarmos em consideração a sua margem e a forma como é mais provavelmente aplicada ao considerar o viés do “favourite–longshot”.

Esta análise sobre as oportunidades de arbitragem oferece ainda mais evidências para comprovar esta perspetiva. A Pinnacle faz questão de oferecer preços exatos ou, pelo menos, preços que não se afastam muito dos valores “verdadeiros” por mais do que a sua margem. Ao que parece, para a Pinnacle, é o melhor modelo de preços com que conseguem ter lucro.

Um aspeto sobre o qual podemos estar razoavelmente confiantes é que, ao contrário das outras casas de apostas mais recreativas, a Pinnacle não tem por hábito dar algo de valor gratuitamente. Se existirem quaisquer desvios sistemáticos da eficiência do mercado com o objetivo de maximizar a sua margem de lucro que possa oferecer valor aos seus clientes mais perspicazes, certamente não parecem ser evidentes de forma rotineira nos mercados de arbitragem de futebol.

É claro que a vantagem das suas probabilidades exatas é que a Pinnacle irá sempre permitir-lhe praticar a arbitragem, sabendo que são as outras casas de apostas, e não ela própria, a suportar o golpe.

Recursos de apostas - Capacitar as suas apostas

Os Recursos de apostas da Pinnacle são um dos conjuntos mais abrangentes de conselhos de especialistas sobre apostas que se podem encontrar online. Dar resposta a todos os níveis de experiência - o nosso objetivo é simplesmente capacitar os apostadores a obterem mais conhecimentos.