jul 5, 2019
jul 5, 2019

Porque é que todos os apostadores se devem preocupar com o basebol

O início de uma revolução de dados

Uma nova forma de apostar

Sensibilização seguida de ação

Porque é que todos os apostadores se devem preocupar com o basebol

As pessoas apostam numa determinada modalidade desportiva por muitos motivos. Podem gostar de praticar essa modalidade ou de passar tempo a ver outros praticarem-na. Para aqueles que levam as apostas mais a sério, pode acontecer que, naquela modalidade em particular, o apostador seja capaz de identificar as ineficiências no mercado. Nem todas as pessoas devem apostar no basebol, mas esta modalidade pode ainda assim ensinar algumas lições valiosas aos apostadores. Continue a ler para ter a resposta.

Não é preciso assistir aos jogos, basta aprender

A sugestão de que se deverá preocupar com o basebol se estiver interessado em fazer apostas não significa que tenha de passar horas a ver jogos de uma modalidade pela qual possa não ter interesse ou da qual saiba muito pouco. Deverá preocupar-se com o basebol devido ao que aconteceu com a modalidade e como a forma como o analisamos teve um impacto na maioria das outras modalidades competitivas em todo o mundo.

Ao longo dos últimos 20 anos, a forma como se pratica, se vê e se aposta numa determinada modalidade mudou drasticamente. Existem inúmeros fatores que causaram estes desenvolvimentos no desporto em geral, mas o aparecimento da análise de dados no basebol foi o que teve o maior impacto de todos.

A maioria das modalidades importantes já conseguiu acompanhar o basebol em termos de análise empírica, mas vale a pena olhar em retrospetiva para o início desta revolução de dados. Tal permitirá aos apostadores aprender como e porquê as coisas começaram a mudar, e ajudará a compreender as vantagens de abandonar as ideias preconcebidas e aceitar novos métodos que podem dar origem a uma melhoria dos resultados.

O início de uma revolução de dados

Durante muitos anos, os únicos números com que as pessoas se preocupavam num jogo de basebol eram os resultados finais. Os resultados finais mostram as equipas que estão a jogar, as entradas jogadas e o número de “runs”, tacadas e erros de cada equipa, bem como o desempenho de cada jogador individual tanto a lançar como a bater.

Podemos pensar nos tradicionais apostadores no handicap que avaliam qual deve ser a probabilidade utilizando o seu “instinto” devido à experiência e compreensão da modalidade como o equivalente aos “antigos” olheiros de basebol que faziam o mesmo com os jogadores que deviam vender ou com os quais deviam assinar contrato.

Estes números satisfizeram as necessidades da comunidade de basebol durante bem mais de 100 anos (com algumas mudanças pelo caminho). Em 1971, foi criada a Sociedade de Investigação do Basebol Americano (Society for American Baseball Research, SABR) com o objetivo de investigar e disseminar a história e os registos do basebol. Um ano mais tarde, em 1972, a SABR publicou o primeiro periódico de investigação sobre basebol (Baseball Research Journal) – que se transformou numa publicação anual que deu às pessoas a oportunidade de partilhar a investigação e novas conclusões relacionadas com o basebol.

Bill James (membro da SABR) publicou o seu próprio Baseball Abstract em 1977; o seu trabalho destacava as perspetivas obtidas através da análise estatística do basebol. Ocorreram então inúmeros desenvolvimentos na recolha e análise de dados até 2002, altura em que Billy Beane utilizou a abordagem de “sabermetrics” (termo resultante de SABR) para levar a equipa dos Oakland A’s, com um orçamento baixo, à American League Division Series.

O sucesso de Beane como diretor-geral dos Oakland A’s foi construído com base na compreensão de como a “sabermetrics” proporcionava um meio muito mais eficiente de avaliar o desempenho dos jogadores, e como uma maior sensibilização dos componentes de uma equipa de basebol pode ajudá-la a funcionar na eficiência máxima. A história dos Oakland A’s em 2002 (e de como foi importante esta abordagem orientada por dados) chegou depois a uma notoriedade disseminada graças ao livro de Michael Lewis Moneyball: The Art of Winning an Unfair Game , publicado em 2003, tendo uma versão em filme sido lançada posteriormente em 2011.

Uma nova forma de apostar

Billy Beane e os Oakland A’s mostraram até que ponto a utilização dos dados pode ser benéfica no basebol numa perspetiva de equipa. Numa questão de poucos anos, o sistema tradicional de olheiros tinha sido substituído por equipas de analistas de dados em quase todas as equipas da liga. A capacidade de destilar grandes quantidades de dados em ações definitivas (comprar e vender jogadores ou escolher outros da lista atual de jogadores disponíveis) passou pouco tempo depois a ser mais valorizada do que a experiência de jogo anterior ao nível profissional (a maioria das equipas continuava a utilizar uma mistura de ambos).

A abordagem de “sabermetrics” também deu origem a uma nova experiência para os adeptos com mais números para digerir e mais perspetivas a serem obtidas dos relatórios de jogo e das transmissões dos jogos. No entanto, mais importante ainda (pelo menos para a finalidade deste artigo), a abordagem recém-encontrada nas áreas administrativas das equipas deu origem a alterações na forma como as pessoas apostam no basebol.

Podemos pensar nos tradicionais apostadores no handicap que avaliam qual deve ser a probabilidade utilizando o seu “instinto” devido à experiência e compreensão da modalidade como o equivalente aos “antigos” olheiros de basebol que faziam o mesmo com os jogadores que deviam vender ou com os quais deviam assinar contrato. À semelhança dos novos olheiros que utilizam os dados para determinar quem é que a equipa deve comprar, os apostadores começaram a utilizar mais dados para tentar prever os resultados e calcular o que poderá ser uma aposta de valor.

A utilização dos dados tem continuado a desenvolver-se no basebol, e as equipas conseguem agora acompanhar milhares de ações a partir de cada passagem de bola num campo de basebol. Embora a maioria dos apostadores não tenha acesso a este tipo de informações, sites como Baseball-Reference, FanGraphs e até o site oficial da MLB disponibilizam resmas de dados para ajudar a modelar os resultados.

A revolução dos dados no basebol pode ser considerada como o catalisador que ajudou as massas de apostadores a compreender até que ponto o tipo certo de dados pode ser útil. O que começou por ser uma percentagem na base (on-base percentage, OBP) e vitórias acima da substituição (wins above replacement, WAR) no basebol levou a coisas como os golos esperados (xG) no futebol e o "floor impact counter" (FIC) no basquetebol.

A modalidade desportiva em que aposta continua a ser a mais importante

Embora haja algumas lições valiosas a aprender a partir da análise destes desenvolvimentos técnicos no basebol, a modalidade desportiva em que aposta de facto deve ser aquela a que dedica o seu foco principal.

Existem inúmeras diferenças de modalidade para modalidade e se tiver trabalhado para identificar uma vantagem legítima numa determinada modalidade, deverá passar o seu tempo a maximizar essa vantagem. Embora a falácia da madeira verde mostre que o conhecimento especializado da modalidade não se traduz numa competência especializada nas apostas na mesma modalidade, ela ajuda também a possuir um entendimento sobre as nuances daquilo em que aposta para ajudar a encontrar oportunidades valiosas de apostas (no mínimo serve para contextualizar os números que está a ver).

Infelizmente, haverá por aí apostadores com mais recursos do que você tem, com melhores dados do que os seus e com sistemas mais avançados.

Uma das diferenças mais notáveis entre o basebol e muitos outras modalidades desportivas é a quantidade de dados disponíveis. Os sites de basebol acima mencionados são apenas uma seleção das fontes de dados disponíveis para os apostadores de basebol. Noutras modalidades, é muito mais difícil arranjar esta quantidade de dados.

Outra diferença importante a salientar é que a mecânica do basebol adequa-se muito mais à análise estatística (talvez seja por isso que esteve na liderança durante tanto tempo). Por exemplo, modalidades como o basquetebol e o futebol são muito mais fluidas.

Muitas modalidades não são tão “para-arranca” como o basebol e não têm um início e fim claros em cada segmento de jogada. Noutras modalidades, como no caso do futebol americano, o resultado potencial do jogo pode mudar numa questão de segundos (pode ser marcado um "touchdown" em qualquer passagem de bola, quer numa jogada de ataque, quer de defesa).

Sensibilização seguida de ação

Uma coisa é compreender por que motivo o que aconteceu no basebol é importante numa perspetiva de apostas, mas colocar este conhecimento em prática é algo totalmente diferente. Por exemplo, a equipa dos Oakland A’s em 2002 fizeram uma época impressionante porque foram os primeiros do seu tipo e mais ninguém estava a utilizar a mesma abordagem (o que quer dizer que há uma concorrência mínima para os jogadores que eles queriam comprar).

No entanto, agora, toda a gente na MLB está a fazer a mesma coisa e com uma ampla gama de recursos disponíveis para as diferentes equipas, é muito difícil passar dos lugares cimeiros aos últimos lugares num curto espaço de tempo. 

O mesmo se pode dizer do mercado de apostas. A utilização de dados não é nada de novo nas apostas e os apostadores, na sua maioria, estão todos a tentar fazer a mesma coisa (encontrar apostas de valor). Infelizmente, haverá por aí apostadores com mais recursos do que você tem, com melhores dados do que os seus e com sistemas mais avançados. Não se está simplesmente a tentar vencer a casa de apostas, está-se também a tentar vencer esse tipo de pessoas.

Preocupar-se com o basebol e com a forma como a utilização de dados mudou o “para sempre” não irá torná-lo num apostador de sucesso. No entanto, irá ajudá-lo a compreender como as pessoas conseguem vencer o mercado e os motivos pelos quais olhar para as coisas de uma perspetiva diferente podem ajudá-lo a longo prazo.

Recursos de apostas - Capacitar as suas apostas

Os Recursos de apostas da Pinnacle são um dos conjuntos mais abrangentes de conselhos de especialistas sobre apostas que se podem encontrar online. Dar resposta a todos os níveis de experiência - o nosso objetivo é simplesmente capacitar os apostadores a obterem mais conhecimentos.