jun 3, 2021
jun 3, 2021

Prévia da Copa América 2021: Argentina

O que está em jogo para a Argentina nesta Copa América

A renovação da Alviceleste

Números da defesa e do ataque argentinos

Um dilema tático para Lionel Scaloni

Prévia da Copa América 2021: Argentina

Tendo como principal objetivo acabar com um jejum de títulos oficiais que vem desde a Copa América de 1993, a Argentina chega à 47ª edição do mais tradicional torneio entre seleções do mundo novamente como uma das principais favoritas ao título.

Além da quebra do jejum, outra fonte de motivação para a Alviceleste é que, caso vença a próxima Copa América, a Argentina se igualará ao recordista Uruguai, que detém 15 títulos desta competição (que até 1975 era conhecida como Campeonato Sul-Americano de Futebol).

Copa América 2021: Estatísticas de Argentina

Técnico: Lionel Scaloni

Principal jogador: Lionel Messi

Classificação mundial da FIFA (maio de 2021):

Desempenho recente: Copa do Mundo 2018 – Oitavas de final, Copa América 2019 - Semifinal

Probabilidades para vencer o Grupo A: 1,769*

Probabilidades para vencer a Copa América 2021: 3,500*

Copa América 2021: programação do Argentina

14 de junho: Argentina x Chile

18 de junho: Argentina x Uruguai

21 de junho: Argentina x Paraguai

28 de junho: Argentina x Bolivia

As novas referências na Argentina de Scaloni

Pode-se dizer que o time treinado desde 2019 por Lionel Scaloni atravessa um processo de renovação. Aos poucos, jovens como Exequiel Palacios e Lautaro Martínez vão ocupando um protagonismo que até então cabia a astros como Ángel Di María e Sergio Agüero.

Evidentemente que isso não se aplicou em nenhum momento ao já veterano Lionel Messi. Prestes a completar 34 anos, "la Pulga" ainda está entre os maiores jogadores do mundo (muito embora o Barcelona não esteja atualmente entre os melhores times da Europa).

Em outros setores, vale destacar a ascensão do lateral-direito Gonzalo Montiel (de 24 anos) e do zagueiro Lucas Martínez Quarta (de 25). Ambos estão entre os principais responsáveis pelos bons números defensivos da Argentina nas atuais Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

Campanha nas Eliminatórias

Neste torneio, por sinal, pode-se dizer que a Alviceleste vem fazendo uma campanha competente, embora não exatamente brilhante: foram três vitórias (contra Equador, Bolívia e Peru) e um empate (contra o Paraguai), o que a deixa em segundo lugar na classificação.

E, como foi dito, defensivamente a equipe vem apresentando um desempenho notável: foram apenas dois gols sofridos em quatro jogos (e um deles, é bom lembrar, na altitude de La Paz), o que faz com que a Argentina tenha a melhor defesa da competição, junto com o Brasil.

A grande diferença entre argentinos e brasileiros está na quantidade de gols marcados por ambas as seleções: enquanto o Brasil teve impressionantes 12 gols a favor nestas quatro primeiras rodadas das Eliminatórias, a Argentina marcou apenas seis vezes.

Resquícios da "Messidependência"

Uma análise tática da Argentina nos ajuda a entender o porquê de tal deficiência. Desde 2019 o time vem adotando esquemas como o 4-4-2, o 4-3-3 e o 4-4-1-1, nos quais - principalmente no último o caso - o atacante com menos responsabilidade na marcação vem sendo Martínez.

Mas, em todos esses esquemas, o que não muda é a liberdade tática de que Messi continua gozando. Sem a bola, o craque do Barcelona não marca com tanta intensidade; por outro lado, não é raro vê-lo ir buscar o jogo inclusive na zona do meio-campo mais próxima à defesa.

E isso revela um dos grandes desafios da equipe: chegar com mais homens ao ataque. Quanto mais Messi recua, mais difícil fica para a Argentina criar jogadas que surpreendam as defesas adversárias - e isso ficou claro no empate com o Paraguai em novembro do ano passado.

Assim, taticamente a Argentina não pode ser considerada ainda uma equipe madura. No entanto, os prognósticos favoráveis à seleção de Scaloni nesta Copa América são mais que justificados, e assim continuarão a ser enquanto a Alviceleste tiver a seu favor o “fator Messi”.

Ansioso pela Copa América deste ano? Ganhe do seu jeito com a ajuda das probabilidades mais recentes para a Copa América 2021 em cada partida e grupo, em mercados de apostas futuras, e muito mais, com a Pinnacle.

Probabilidades sujeitas a alteração

Recursos de apostas - Capacitar as suas apostas

Os Recursos de apostas da Pinnacle são um dos conjuntos mais abrangentes de conselhos de especialistas sobre apostas que se podem encontrar online. Dar resposta a todos os níveis de experiência - o nosso objetivo é simplesmente capacitar os apostadores a obterem mais conhecimentos.