mai 24, 2022
mai 24, 2022

Prévia da Finalíssima: Itália x Argentina

Informe-se e faça suas previsões para a Finalíssima.

Estatísticas da Finalíssima

Previsões para Itália x Argentina: quem leva vantagem?

Prévia da Finalíssima: Itália x Argentina

Reúna mais informações para as suas previsões para a Finalíssima antes da partida da próxima semana com os insights de probabilidades, notícias sobre as equipes e análises da Pinnacle.

Previsões para Itália x Argentina

Itália

Empate

Argentina

33,58%

30,57%

35,85%

Wembley será o palco de um duelo de glamour internacional na quarta-feira, 1º de junho, quando a campeã europeia Itália enfrentará a Argentina, vencedora da Copa América, em um confronto internacional imperdível pela Finalíssima.

Oficialmente chamado de "CONMEBOL–Taça dos Campeões da UEFA", o jogo foi revivido depois de ter sido disputado duas vezes anteriormente. Primeiro, em 1985, quando a França venceu em Paris contra o Uruguai, e depois em 1993, quando a Argentina venceu a Dinamarca em casa, em Mar del Plata.

Naquela época, os países disputavam a "Artemio Franchi Cup" e o farão novamente em Londres. O troféu é uma homenagem ao falecido Artemio Franchi, ex-presidente da UEFA, que faleceu em um acidente de viação em 1983.

Itália x Argentina: uma análise das probabilidades

A Argentina, favorita por pouco com 2,660*, garantiu seu lugar na disputa depois de vencer a Copa América e derrotar os rivais sul-americanos do Brasil por 1 a 0 em julho passado. A Itália, por sua vez, está disponível a 2,840* para acrescentar a coroa da Finalíssima ao título da Eurocopa, conquistado também em Wembley com uma vitória sobre a anfitriã Inglaterra nos pênaltis no verão passado. Um empate em 90 minutos é uma opção a 3,120*.

É improvável que encontremos uma maneira fácil de escolher entre os dois pesos-pesados internacionais que, entre eles, venceram seis Copas do Mundo. As seleções se enfrentaram 15 vezes em palcos internacionais, com a Itália vencendo em seis ocasiões e a Argentina cinco, enquanto quatro empates dividiram as duas nações ao longo dos anos.

Por outro lado, a Argentina levou vantagem nos encontros mais recentes, vencendo os últimos quatro jogos entre as duas equipes. O mais recente foi um 2 a 0 em um amistoso em março de 2018.

A agonia da Copa do Mundo depois do triunfo italiano na Eurocopa

A Itália entrará em campo com muito a provar depois de não ter conseguido se classificar para a Copa do Mundo no Catar neste inverno, apesar de ser campeã europeia. Eles foram surpreendentemente derrotados pelos peixinhos da Macedônia do Norte em uma partida dos playoffs em março, resultando na segunda Copa do Mundo consecutiva da qual a Azzurri não participa.

Roberto Mancini continua no comando, apesar do fracasso inesperado, isso porque o saldo do técnico ainda é positivo depois de guiar a Itália ao sucesso da Eurocopa no ano passado e os gigantes europeus farão questão de levar a melhor sobre a Argentina e mostrar neste jogo único que continuam sendo uma força formidável, mesmo que não viagem ao Catar.

Eles não jogam desde que se vingaram do revés com a Macedônia do Norte com uma vitória amistosa por 3 a 2 sobre a Turquia no final de março e estão ansiosos para recuperar o impulso vitorioso que os levou a um recorde mundial de 37 jogos invictos que começou, surpreendentemente, em 2018 e só terminou com a derrota para a Espanha na Liga das Nações em outubro passado.

A Argentina entra em campo sem nenhum problema em vista

A Argentina se classificou confortavelmente para a Copa do Mundo de 2022, terminando em segundo lugar entre 10 equipes no processo de qualificação da CONMEBOL. A equipe de Lionel Scaloni, liderada pelo astro do PSG Lionel Messi, aproveita uma longa série invicta de 32 jogos que remonta a julho de 2019 e empataram em 1 a 1 com o Equador da última vez que entraram em campo, na última eliminatória para a Copa do Mundo no final de março.

Além de Messi, a Argentina ostenta uma riqueza de talentos de classe mundial, incluindo a estrela do PSG Angel di Maria, o atacante da Juventus Paulo Dybala e a dupla da Inter de Milão Lautaro Martinez e Joaquin Correa.

A Itália também pode se gabar de muita experiência e jogadores de qualidade, incluindo o meio-campo do Chelsea Jorginho, outro jogador do PSG, Marco Verratti, e as estrelas da Lazio e do Napoli, Ciro Immobile e Lorenzo Insigne.

Com ambos os países ansiosos dar um bom show neste confronto um tanto único diante do público impressionante de Wembley, a sensação será de uma grande final de torneio, que talvez precise até mesmo ser decidida nos pênaltis – caso em que a Itália é a favorita para repetir o triunfo de 12 meses atrás se as duas equipes repletas de estrelas consigam se anular em campo.

Previsão: se houver pênaltis, a Itália deve levar a melhor

Pronto para fazer suas previsões e apostas na Finalíssima? Inscreva-se na Pinnacle para aproveitar as melhores probabilidades para as suas apostas na Finalíssima.

Probabilidades sujeitas a alteração

Recursos de apostas - Capacitar as suas apostas

Os Recursos de apostas da Pinnacle são um dos conjuntos mais abrangentes de conselhos de especialistas sobre apostas que se podem encontrar online. Dar resposta a todos os níveis de experiência - o nosso objetivo é simplesmente capacitar os apostadores a obterem mais conhecimentos.