fev 11, 2020
fev 11, 2020

Prévia de apostas para o segundo confronto entre Deontay Wilder e Tyson Fury

Boxer x Puncher: o que a história nos diz?

Informe-se sobre as previsões para o segundo confronto entre Deontay Wilder e Tyson Fury

Apostas para o segundo confronto entre Deontay Wilder e Tyson Fury: onde está o valor?

Prévia de apostas para o segundo confronto entre Deontay Wilder e Tyson Fury

Depois que sua primeira luta dramática terminou em um empate polêmico, Deontay Wilder e Tyson Fury vão se encontrar novamente em 22 de fevereiro, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas. Quem é o favorito desta vez e onde está o valor? Continue lendo para se informar sobre as previsões para o segundo confronto entre Wilder e Fury.

Uma análise das probabilidades para o segundo confronto entre Wilder e Fury


Deontay Wilder

Tyson Fury

51,95%

48,05%

As probabilidades da Money Line sugerem que essa será uma luta de chances iguais. Deontay Wilder é o favorito, apesar de muitos especialistas acreditarem que Tyson Fury venceu a primeira luta, e as probabilidades sugerem que o americano tem aproximadamente 52% de chance de vitória.

O total de rounds está fixado em 10,5, apontando para um round a mais que a primeira luta. As apostas acima de 10,5 rounds estão cotadas a 1,709*, sugerindo que há cerca de 60% de chance de o combate se estender.

Data: Sábado, 22 de fevereiro.

Local: MGM Grand Garden Arena, Las Vegas.

Segundo confronto entre Wilder e Fury: estatísticas dos lutadores

in-article-wilder-vs-fury-tale-of-the-tape-hero.jpg

Segundo confronto entre Wilder e Fury: uma análise da revanche

Na primeira luta, Wilder conseguiu acertar apenas 17% de seus socos de impacto, de acordo com as estatísticas da CompuBox, que faz uma análise interessante. Quando comparamos esse número com o desempenho do lutador contra oponentes anteriores, o contraste é impressionante. Veja uma análise detalhada, luta a luta, da porcentagem de socos de impacto que o americano desferiu em suas lutas pelo título mundial, antes do confronto contra Fury.

Oponente de Wilder

% de socos de impacto acertados

Tyson Fury

17%

Luis Ortiz

39%

Bermane Stiverne (2º confronto)

60%

Gerald Washington

47%

Chris Arreola

52%

Artur Szpilka

42%

Johann Duhaupas

69%

Eric Molina

56%

Portanto, as evidências sugerem que nenhum lutador intrigou e confundiu mais Wilder em sua carreira do que Fury (contra quem Wilder conseguiu acertar apenas 17% de seus socos de impacto). Essa evidência aponta que seria prejudicial às chances de vitória de Fury mudar suas táticas e tentar uma abordagem mais ofensiva na revanche; essa estratégia também aumenta as chances de a luta se estender por vários rounds.

Também é provável que Fury esteja ainda mais rápido, considerando a massa extra que ele parece ter ganhado a julgar por suas fotos de treinamento mais recentes. O britânico não é um lutador musculoso como Anthony Joshua e estará mais em forma do que na primeira luta, que ocorreu após um período longo de afastamento, com o objetivo de ser mais rápido, mais forte e muito mais evasivo na revanche.

social-fury-quote-twitter.jpg

Analisando a revanche

O primeiro passo para avaliar a revanche entre Wilder e Fury é observar os estilos de luta de cada boxeador e analisar como os dois lutadores podem melhorar e se adaptar desde seu último confronto. Wilder pode optar por uma abordagem mais cautelosa na segunda luta para encontrar as melhores oportunidades para encaixar seus poderosos socos de direita e encaminhar o combate para um final mais destrutivo, assim como ele fez na revanche contra Luis Ortiz.

Apesar de toda a sua habilidade, Fury não pode ser considerado um puncher de nível de elite, mas bate com força suficiente para merecer a sua atenção. Grandes punchers costumam se encaixar em duas categorias: aqueles que baseiam sua estratégia na velocidade e aqueles que golpeiam com muita força. Existem lutadores raros que podem se gabar de ter ambas as habilidades (e é nessa categoria que Deontay Wilder se encaixa), o que faz do americano um oponente perigoso durante todos os 12 rounds do combate.

"O poder é uma ótima arma, mas poderá ter pouco significado entre lutadores de elite se o oponente souber como anulá-lo corretamente"

Golpes poderosos são efetivamente um dom natural para um lutador. Você pode melhorar o impacto dos seus golpes com treino e ao aprender novas técnicas, mas, em grande parte, entre combatentes de nível superior, isso é algo natural. Um lutador acerta outro lutador e inflige sérios danos ao oponente ou conquista um nocaute, enquanto outro lutador atinge o oponente várias vezes e nada acontece.

Mesmo com toda a sua autoconfiança, Wilder conhece suas limitações como boxeador, e temos evidências de quão inferior (em termos de habilidade) ele está em comparação a Fury desde o primeiro encontro entre os dois. Outro fator essencial para esta análise é que o lutador de 34 anos é, em grande parte, um combatente de baixa agressividade quando enfrenta oponentes que insistem em trocar socos com ele. Ele aguarda o momento certo e espera por um erro de seu oponente antes de lançar golpes que podem decidir o combate. Essa é uma tática que manteve o americano longe de problemas em várias ocasiões ao longo de sua carreira, quando estava em desvantagem nas contagens de pontos, mas que quase certamente favorecerá Fury se a luta se estender por vários rounds.

social-wilder-quote-twitter.jpg

Boxer x Puncher: o que a história nos diz?

A revanche apresenta o confronto clássico entre boxer e puncher. O clássico boxer x puncher é um duelo de estilos que, muitos acreditam, favorece o boxer, mas muitos atributos fora desse âmbito precisam ser considerados.

Um boxeador habilidoso com "queixo de vidro" enfrentando um lutador não tão habilidoso, mas com grande potencial, são uma combinação que promete um duelo empolgante. Por um lado, o boxer pode superar o oponente com sua habilidade. Por outro, tudo o que o lutador com menos habilidade potencialmente precisa para vencer o confronto é um soco bem colocado, mas, quando o combate acontece entre lutadores em nível praticamente equivalente, boxers costumam levar vantagem contra seus oponentes punchers — nesse caso, a desvantagem seria de Tyson Fury.

O poder é uma ótima arma para se ter no boxe, mas poderá ter pouco significado entre lutadores de elite se o oponente souber como anulá-lo corretamente. Todo lutador golpeia com força no campeonato mundial de pesos pesados — basta saber com quanta força.

Fury é um boxeador com maior habilidade, mas Wilder tem poder de luta superior. Ao analisar esses dados, as evidências sugerem que Fury não se envolverá em nenhum tipo de estratégia agressiva de ataque com Wilder, apesar do que ele tem declarado.

Wilder terá ferimento de Fury como alvo

Fury afirma se sentir fantástico após remover os 47 pontos de seu supercílio depois de sofrer ferimentos dignos de filme de terror durante o terceiro round de sua vitória unânime por pontos sobre Otto Wallin, mas esse é certamente um fator que precisa ser considerado ao apostar na revanche entre Wilder e Fury.

Apesar da reação positiva de Fury ao tratamento, foi um corte horrível e, caso seja aberto novamente, poderá ter sérias repercussões para o desafiante.

O corte ocorreu em um dos piores lugares possíveis para um lutador porque pode obstruir a visão durante a luta e, contra um puncher tão feroz quanto Deontay Wilder, se abrir novamente, o ferimento poderá ser o anúncio da derrota de Fury.

Sem dúvida, Wilder tem capacidade e golpes com impacto suficiente para danificar as duas cicatrizes, e pode não ser necessário um grande soco para fazer isso. Se enfrentar um puncher gigantesco com a visão perfeitamente em ordem já é difícil, fazer isso com um olho fechado e jorrando sangue continuamente (como aconteceu contra Otto Wallin) pode colocar Fury em uma posição difícil para enfrentar muitos dos socos circulares e pouco convencionais do campeão.

Oposição recente

Antes da primeira luta, oponentes como Sefer Seferi e Francisco Pianeta estavam alinhados para Fury não porque o ex-campeão queria uma série de lutas fáceis, mas porque ainda não estava pronto para lutas que apresentavam qualquer tipo de risco. Considerando o nível dos oponentes enfrentados desde a primeira luta, Wilder garantiu outra vitória por nocaute sobre o veterano Luis Ortiz e um nocaute poderoso de um round sobre Dominic Breazeale. Fury tem tido pouco progresso ao expandir seu cartel nos EUA, conquistando vitórias sobre oponentes relativamente desconhecidos como Tom Schwartz e Otto Wallin, além de ter aparecido na WWE.

"Sem dúvida, Wilder tem capacidade e golpes com impacto suficiente para danificar as duas cicatrizes, e pode não ser necessário um grande soco para fazer isso"

Apesar de Wilder ter enfrentado um nível melhor de oposição recentemente, aos 31 anos, é Fury quem apresenta o melhor currículo. Também é fundamental que os apostadores saibam analisar o estilo que Fury traz para o ringue, uma vez que ele é um lutador que costuma apresentar desempenho melhor contra adversários mais fortes, já que nunca se apresenta de maneira formidável contra oponentes mais fracos devido à sua falta de poder de golpe. Contra Wladimir Klitschko (uma luta em que as apostas estavam contra Fury), ele lutou, neutralizou e usou todas as suas vantagens. No combate contra Klitschko, Fury colocou o ucraniano em desvantagem, e o derrotou de maneira convincente. Da mesma forma, a incapacidade de Klitschko de encaixar qualquer tipo de soco significativo ou com algum impacto foi uma razão determinante para que Fury conseguisse vencer tão confortavelmente.

O tamanho de Fury foi um fator importante e, contra Klitsckho, ele limitou o campeão a uma estratégia em que cada golpe que ele estava prestes, ou queria disparar fosse excessivamente calculado. Apesar de todas as suas falhas técnicas, Deontay Wilder não pensa como Klitsckho. Ele entra em um modo frenético de luta uma vez que tenha qualquer leve indício de que seu oponente está machucado, e arrisca tudo no ringue para garantir uma grande vitória por nocaute. Puncher concussional, o “Bronze Bomber” tem um cartel de 41 nocautes em 42 lutas. Esse estilo torna Wilder perigoso contra qualquer um, e o americano carrega esse poder constantemente dentro da luta durante todas as 12 rodadas.

Segundo confronto entre Wilder e Fury: onde está o valor?

Essa luta é um clássico de boxer x puncher, e isso significa que é fácil determinar o potencial resultado do confronto. As probabilidades da Pinnacle apontam para uma pequena vantagem de Wilder, mas as margens devem ficar ao lado de Fury.

Wilder também era o favorito no primeiro confronto, por conta da inatividade de Fury, e recebeu o apoio de um grande número de apostadores como resultado do poder impressionante que ele representa. Tendo em conta a análise dos dois estilos e as estratégias que os lutadores provavelmente levarão ao ringue em 22 de fevereiro, é provável que a luta seja decidida a favor de Wilder por nocaute ou nocaute técnico, ou a favor de Fury no caso de uma decisão por pontos

A adoção de uma estratégia de apostas nesta luta na qual você cobre as duas possibilidades reduzirá o risco de resultados menos favoráveis e aumentará sua chance de obter lucro. Sua vantagem é reduzida, mas você poderá eliminar resultados improváveis, com poucas chances de ocorrerem. Da mesma forma, em apostas na Money Line no boxe, a análise dos pontos fortes e fracos dos dois lutadores é imprescindível se você estiver dividido ou considerando outros mercados.

Fury chegará para esta revanche com melhores reações e melhor resistência em relação ao que apresentou na primeira luta. O lutador de 31 anos possui habilidades tão fantásticas de boxe e velocidade para alguém do seu tamanho, que sua vitória pode estar em simplesmente evitar os socos de impacto de Wilder. Se existe alguma chance dos apostadores testemunharem um nocaute de Fury, ela provavelmente acontecerá mais tarde na luta, quando Wilder estiver tão frustrado que baixará sua guarda e arriscará tudo para conseguir um nocaute, permitindo que o oponente, naturalmente maior, firme sua base e guie o americano na direção de um golpe devastador.

Agora que você sabe como abordar os mercados de apostas para a revanche entre Wilder e Fury, pode realizar as suas apostas com as incríveis probabilidades da Pinnacle para Wilder x Fury.

Probabilidades sujeitas a alteração

Recursos de apostas - Capacitar as suas apostas

Os Recursos de apostas da Pinnacle são um dos conjuntos mais abrangentes de conselhos de especialistas sobre apostas que se podem encontrar online. Dar resposta a todos os níveis de experiência - o nosso objetivo é simplesmente capacitar os apostadores a obterem mais conhecimentos.